Padre Douglas: A família, lugar de comunicação do Evangelho

O Evangelho é alegria, é a boa-notícia da salvação e do amor de Deus para os homens, e essa boa-notícia entrou no mundo através de um menino que nasceu em uma família.

Padre Douglas de Freitas Ferreira – Cidade do Vaticano

Olá amigos ouvintes da rádio Vaticana em lingua portuguesa de todo o mundo, bem-vindos ao nosso terceiro encontro da série em preparação para o IX Encontro Mundial das Famílias que acontecerá em Dublin, no próximo mês de Agosto dos dias 21 a 26. Você, como vimos no encontro anterior, foi convidado pelo papa Francisco para participar desse grande evento e a se preparar para viver de modo intenso esses dias de comunhão com todas as famílias do mundo. No programa de hoje vamos falar um pouco do Evangelho, alegria comunicada por Deus aos homens através de uma família. Para ajudar na reflexão, de hoje e dos outros dias, vamos considerar sempre as perguntas que o Papa nos deixou como referencia para a reflexão, e o documento Amoris Laetitia que ele quer aprofundar e refletir.

Mas, afinal, você se lembra das perguntas? Se não, vamos recordar: «O Evangelho continua a ser alegria para o mundo?»; e a família: «Continua a ser uma boa notícia para o mundo de hoje?». O Papa deu a resposta pessoal à pergunta na carta que havia escrito; e nós? e você? como responderia tais questões? Devemos assumir a pergunta para nós mesmos, afinal, não é uma pergunta que está longe da nossa realidade como cristãos e como família cristã. Fica também a dica de ler Amoris Laetitia,

Boa-notícia da salvação

O Evangelho é alegria, é a boa-notícia da salvação e do amor de Deus para os homens, e essa boa-notícia entrou no mundo através de um menino que nasceu em uma família. É uma imagem muito clara, como vemos, por exemplo, no natal quando construimos o presépio; o que está no ao centro? Jesus com a sua família, o papa recorda em Amoris Laetitia o mistério da encarnação dizendo que ali tem o perfume da família (Cf. Amoris Laetitia, 65).

Caro amigo e amiga, o perfume de família se observa também em toda a vida de Jesus que, além de ter nascido em uma família, foi criado e educado nela, era reconhecido porque pertencia a uma família; quando evangelizava usava uma linguagem e exemplos próprios de uma família. O Evangelho não está longe da realidade familiar, ao invés, o Evangelho somente pode ser entendido se consideramos que na base da proclamação está a linguagem familiar usada Pelo Filho de Deus, o Filho de Maria.

Irmãos, o Evangelho e a família serão sempre alegria para o mundo. A família, construída sobre a rocha do Evangelho, é o lugar privilegiado para comunicar a alegria da boa nova, e será, juntamente com o testemunho de Cristo que habita nela, boa-notícia para o mundo. Tenhamos coragem de assumir a dimensão cristã da nossa vocação familiar.

Oração oficial da família para o encontro mundial das Famílias, 2018

 

Deus, nosso Pai,

Somos irmãos e irmãs em Jesus, teu Filho,

Uma família, no Espírito do teu amor.

Abençoa-nos com a alegria do amor.

Faz-nos pacientes e compassivos Amáveis e generosos,

Acolhendo os que mais precisam.

Ajuda-nos a viver o teu perdão e a tua paz.

Protege todas as famílias com o cuidado do teu amor

Especialmente aqueles por quem rezamos agora:

 

[Fazemos uma pausa para lembrar, pelo nome, membros da família e outras pessoas]

 

Aumenta a nossa fé,

Fortalece a nossa esperança,

Protege-nos com o teu amor,

Faz-nos sempre agradecidos pelo dom da vida que partilhamos.

Isto te pedimos, por Cristo nosso Senhor. Amém.

 

Maria, mãe e guia, rogai por nós.

São José, pai e protetor, rogai por nós.

Santos Joaquim e Ana, rogai por nós.

Santos Luís e Zélia Martin, rogai por nós.

Paróquia Bom Jesus dos Migrantes

Leave A Response

* Denotes Required Field