Papa: criar rede com a educação para enfrentar o desafio migratório

O Papa Francisco recebeu os artistas e os organizadores do Concerto de Natal no Vaticano, que este ano será em prol dos refugiados do Iraque e de Uganda.

Bianca Fraccalvieri – Cidade do Vaticano

Criar rede com a educação: esta foi a proposta feita pelo Papa Francisco ao receber em audiência, no Vaticano, os artistas que participarão do Concerto de Natal, programado para este sábado (15/12), na Sala Paulo VI.

Este ano, o evento é promovido por Scholas Occurrentes e Missões Dom Bosco em favor de dois países: Iraque e Uganda.

O Natal é sempre uma nova ocasião

“O Natal é sempre novo, porque nos convida a renascer na fé, a abrir-nos à esperança e a reacender a caridade”, disse o Papa em seu discurso, recordando que este ano, em especial, o Natal nos chama a refletir sobre a situação de migrantes e refugiados que fogem das guerras, das misérias causadas por injustiças sociais e das mudanças climáticas.

O menino Jesus, disse ainda Francisco, nos recorda que a metade dos refugiados de hoje, no mundo, é constituída por crianças – vítimas sem culpa das injustiças humanas.

 

A esses dramas, a Igreja responde com inúmeras iniciativas de solidariedade e de assistência, de hospitalidade e de acolhimento. Mas há muito por fazer, constatou o Papa, insistindo no fato de que é preciso “criar rede com a educação”. Muitas crianças migrantes passam seus dias em longas marchas a pé, ao invés de frequentarem a escola.

“Criar rede com a educação significa permitir às pessoas que fiquem em pé, para que se coloquem em caminho com plena dignidade”, afirmou o Papa, que acrescentou:

“ Criar rede com a educação é uma solução válida para escancarar os portões dos campos de refugiados, permitir aos jovens imigrantes se inserirem nas novas sociedades, encontrando solidariedade e generosidades e promovendo-as por sua vez. ”

O Pontífice concluiu agradecendo o projeto das Missões Dom Bosco em Uganda e Scholas Occurrentes no Iraque, encorajando os artistas e os organizadores do Concerto de Natal a prosseguirem em seu trabalho para “acender em todo coração o calor e a ternura do Natal”.

Paróquia Bom Jesus dos Migrantes

Leave A Response

* Denotes Required Field